20/04/18

Amarante São Gonçalo - João Valentim protagonizou um momento que está a divertir as redes sociais, o repórter do Você na TV! esteve em Amarante e posou de forma peculiar ao pé de um doce fálico, típico daquela região.



«REPÓRTER DO VOCÊ NA TV PROTAGONIZA MOMENTO PECULIAR

FAZ POSE COM «DOCE FÁLICO» NACIONAL.

Foi em Amarante que João Valentim posou para a foto de uma forma hilariante.

João Valentim protagonizou um momento que está a divertir as redes sociais. O repórter do Você na TV! esteve em Amarante e posou de forma peculiar ao pé de um doce fálico, típico daquela região.

«Fui a Amarante aprender a fazer doces fálicos. Um autêntico serviço público de televisão! Não percam no Você na TV!», escreveu na legenda da foto.

Até Rui Andrade comentou

A foto somou vários comentários divertidos e centenas de «gostos». Até o cantor Rui Andrade comentou, perguntando ao repórter «o que estás a fazer na minha terra?». João respondeu-lhe: «A aprender a fazer estes maravilhosos doces».» in http://www.vip.pt/reporter-do-voce-na-tv-protagoniza-momento-peculiar-faz-pose-com-doce-falico


(Amarante Doce Fálico de 21 metros HD)


(Aprenda a fazer o doce de formato fálico de São Gonçalo de Amarante)

19/04/18

Política Educativa - Dezenas de professores concentraram-se hoje em frente do Ministério da Educação (ME), em Lisboa, para exigir a correção dos horários de trabalho, que consideram ilegais, uma vez que muitos docentes trabalham em média 46 horas semanais.



«PROFESSORES EXIGEM HORÁRIO DE 35 HORAS "E NÃO DE 46"

Dezenas de professores concentraram-se hoje em frente do Ministério da Educação (ME), em Lisboa, para exigir a correção dos horários de trabalho, que consideram ilegais, uma vez que muitos docentes trabalham em média 46 horas semanais.

O problema “é antigo” - “tem cerca de dez anos” -, mas os professores prometem não desistir de lutar pelo direito a trabalhar 35 horas por semana, “tal como definido na lei geral para todos os trabalhadores”, lembrou hoje Mário Nogueira, secretário-geral da Fenprof.

As longas horas de trabalho nas escolas e em casa é “um dos principais fatores de desgaste dos professores”, recordou, em declarações à Lusa, Mário Nogueira, explicando que a concentração de hoje serve “apenas para que o Governo e o Ministério da Educação cumpram a lei”.

Sara Bogarim tem 60 anos e dá aulas há 37 anos. Hoje juntou-se ao protesto e deu a cara pelos professores que se sentem cansados e revoltados com o excesso de trabalho: “Além das aulas, estou na biblioteca e no Clube de Artes”, contou à Lusa a professora de Educação Visual.

Sara disse à Lusa que, ainda na semana passada, entrou na Escola do Agrupamento de Nelas por volta das 08:00 e saiu apenas às 20:00, por causa das reuniões que se juntam ao trabalho que já tem todos os dias com os alunos.

E depois, desabafou, há dias em que quando chega a casa tem à sua espera mais uma maratona para preparar aulas ou corrigir trabalhos dos seus alunos.

Mário Nogueira recordou estudos que indicam que os docentes trabalham em média mais de 46 horas semanais, entre trabalho com os alunos (horário letivo), trabalho na escola para reuniões com colegas ou para receber encarregados de educação (componente não letiva de estabelecimento) e todo o trabalho que é feito em casa (componente individual de trabalho).

Para a Fenprof, os horários dos professores, tal como são aplicados pelas escolas, são ilegais, porque há atividades letivas que estão atribuídas na componente não letiva de estabelecimento; há atividades que deveriam ocupar horas de estabelecimento, mas ocupam muitas horas da componente individual de trabalho.

“Queremos que o próximo despacho de Organização do Ano Letivo regularize esta situação”, defendeu o secretário-geral da Fenprof.

No final da concentração, um grupo de professores entregou no ministério uma proposta para corrigir a situação e, em declarações à Lusa, Mário Nogueira revelou que a tutela já agendou para 3 de maio um encontro para discutir o assunto.

Para chamar a atenção dos responsáveis do ME, a Fenprof usou relógios e a música dos Pink Floyd “Time” e afixou vários cartazes onde se podia ler: “Horário Sobrecarregados/Professores Prejudicados” ou “Professores: Horário é de 35 horas e não de 46”.» in https://lifestyle.sapo.pt/familia/noticias-familia/artigos/professores-exigem-horario-de-35-horas-e-nao-de-46

Cidade da Covilhã - A Câmara da Covilhã anunciou hoje que um grupo franco-suíço que trabalha com marcas de luxo como a Cartier ou a Dior vai construir um novo centro de produção na Covilhã, num investimento de cinco milhões de euros.



«Fabricante de jóias Dior e Montblanc anuncia investimento de cinco milhões na Covilhã

A Câmara da Covilhã anunciou hoje que um grupo franco-suíço que trabalha com marcas de luxo como a Cartier ou a Dior vai construir um novo centro de produção na Covilhã, num investimento de cinco milhões de euros.

"O grupo franco-suíço FM Industries Sycrillor escolheu novamente a Covilhã para realizar um investimento global de cinco milhões de euros na construção de um novo centro de produção de joalharia para marcas de luxo a nível mundial, como a Cartier, Tiffany, Montblanc, Louis Vuitton, Dior e Hermès", refere o município, em comunicado hoje enviado à agência Lusa.

De acordo com a informação, este grupo, que já tem no Parque Industrial do Canhoso a empresa Mepisurfaces, pretende agora reforçar o investimento com a construção de uma nova unidade de mecânica de precisão, que ficará no Parque Industrial do Tortosendo.

A autarquia adianta que as obras devem iniciar-se ainda este ano e que o novo centro terá capacidade para 200 postos de trabalho.

"O grupo internacional aposta assim na construção de uma unidade de mecânica de precisão, totalmente dedicada à exportação, consolidando o saldo comercial da economia da Covilhã como um dos mais positivos do país, que se situa nos 227%", acrescenta o comunicado deste município do distrito de Castelo Branco.

O investimento será apresentado oficialmente na terça-feira, no Parkurbis - Parque de Ciência e Tecnologia da Covilhã, no mesmo dia em que é inaugurado o centro de contacto Altice/Randstad, que na fase inicial arranca com 100 trabalhadores, número que poderá duplicar ou triplicar a médio prazo.

Citado na nota de imprensa, o presidente do município, Vítor Pereira, salienta que "estes investimentos compravam a capacidade da Covilhã para atrair e desenvolver importantes projetos em áreas diversificadas".

O autarca mostra-se orgulhoso pela confiança renovada da indústria da joalharia, que assim "posiciona o concelho como um dos principais 'clusters' na área da mecânica de precisão".

"A Covilhã tem sido - e quer continuar a ser - inovadora na captação de empresas e estruturas que sabemos serem geradoras de emprego, conhecimento e inovação", acrescenta.» in https://24.sapo.pt/economia/artigos/fabricante-de-joias-dior-e-montblanc-anuncia-investimento-de-cinco-milhoes-na-covilha

F.C. do Porto Hóquei Patins - O Dragão Caixa vai ser o palco da Final Four da Liga Europeia de hóquei em patins, anunciou esta quinta-feira a CERS.



«DRAGÃO CAIXA RECEBE FINAL FOUR DA LIGA EUROPEIA

FC Porto, Sporting, Barcelona e Reus são as quatro equipas que vão lutar pelo título europeu.

O Dragão Caixa vai ser o palco da Final Four da Liga Europeia de hóquei em patins, anunciou esta quinta-feira a CERS. A fase que vai consagrar o campeão europeu 2017/18 realiza-se nos dias 12 e 13 de maio.

As meias-finais da Liga Europeia contemplam uma eliminatória 100% portuguesa, entre FC Porto e Sporting, e outra 100% espanhola, entre Barcelona e Reus. Esta será a segunda vez que o Dragão Caixa recebe a Final Four, depois de 2012/13.» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/Dragao-Caixa-recebe-Final-Four-da-Liga-Europeia-1718.aspx

Taça de Portugal: Sporting 1 vs F.C. do Porto 0 (5-4 após g.p.) - FC Porto eliminado da Taça de Portugal após derrota com Sporting no desempate por grandes penalidades.



«JAMOR FICOU A 11 METROS

FC Porto eliminado da Taça de Portugal após derrota com Sporting no desempate por grandes penalidades.

O FC Porto falhou o acesso à final da Taça de Portugal, depois de, esta quarta-feira, no Estádio de Alvalade, ter sido derrotado pelo Sporting no desempate por grandes penalidades (4-5). Chegou à segunda mão das meias-finais com uma vantagem de 1-0, mas que foi anulada por um golo dos leões a cinco minutos do fim do tempo regulamentar.

Sérgio Conceição apostou num onze com duas caras novas relativamente àquele que iniciou o encontro com o Benfica (1-0), no passado domingo: Maxi e Óliver ocuparam as vagas deixadas por Sérgio Oliveira e Marega.

Em desvantagem na eliminatória, os lisboetas estiveram melhor nos minutos iniciais, mas os Dragões logo estabilizaram o seu jogo, assumiram o controlo das operações e a eles pertenceu o lance mais perigoso da primeira parte, num remate saído dos pés de Otávio que errou o alvo por pouco (19m). O Sporting, por seu turno, raramente conseguiu incomodar Casillas, à exceção de uma lance em que Gelson cruzou rasteiro e em força, sem que ninguém tivesse aparecido para fazer a emenda (42m).

Foram os dois lances dignos de registo de uma primeira parte pouco intensa, disputada a um ritmo baixo, mas com o FC Porto mais confortável e por cima no jogo, faltando-lhe apenas definir melhor o último passe para criar mais situações de finalização.

Os 15 minutos iniciais da segunda parte tiveram uma jogada de perigo para cada lado: primeiro para os Dragões, num contra-ataque bem gizado ao qual Soares, servido por Brahimi, não conseguiu dar o melhor seguimento (52m); depois para os leões, quando Battaglia ficou na cara de Iker Casillas, mas o argentino adiantou demasiado a bola e daí nada resultou (59m). O FC Porto estava mais estável até aí, mas o Sporting conseguiu equilibrar, cresceu e foi à procura do empate que acabou por surgir a cinco minutos dos 90 regulamentares, graças a um golo de Coates na sequência de um canto.

Logo a seguir, a resposta do FC Porto também num canto: Aboubakar cabeceou à trave e a bola acabou por sobrar para Reyes, que ainda introduziu a bola na baliza, mas o golo foi anulado, porque Felipe, que participou na jogada, se encontrava em posição de fora de jogo.

O jogo ia mesmo a prolongamento, mas os 30 minutos nada trouxeram de novo ao marcador, pelo que a eliminatória teve que ser decidida nas grandes penalidades, à semelhança do que já tinha acontecido na meia-final da Taça da Liga. E, tal como em janeiro, em Braga, os lisboetas levaram a melhor.

VER FICHA DE JOGO» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/2017%20-%202018/jamor-ficou-a-11-metros-4-18-2018.aspx


Sporting 1-0 FC Porto (5-4 após GP): Resumo

18/04/18

F.C. do Porto Solidário - A equipa médica do F. C. Porto prestou os primeiros socorros a uma jovem que foi, esta quarta-feira, atropelada por uma carrinha, à frente do hotel onde está instalada a comitiva azul e branca, em Lisboa.



«Médicos do F. C. Porto assistem jovem atropelada em frente ao hotel da equipa

A equipa médica do F. C. Porto prestou os primeiros socorros a uma jovem que foi, esta quarta-feira, atropelada por uma carrinha, à frente do hotel onde está instalada a comitiva azul e branca, em Lisboa.

O condutor terá perdido o controlo do veículo em que seguia, acabando por entrar numa zona de estacionamento, onde se encontrava a vítima.

O técnico portista saiu do hotel para o exterior, acompanhado por Pinto da Costa e Luís Gonçalves, diretor-geral do clube, confirmou o JN. Segundo "O Jogo", terá sido Sérgio Conceição a aperceber-se do acidente e a alertar os médicos para o sucedido.

A polícia cortou a rua em que ocorreu o sinistro, uma vez que os cuidados médicos foram prestados no local.

O F. C. Porto está em Lisboa para defrontar o Sporting, esta quarta-feira (20.30 horas), para a Taça de Portugal.» in https://www.jn.pt/desporto/interior/medicos-do-f-c-porto-assistem-jovem-atropelada-em-frente-ao-hotel-da-equipa-9268709.html?utm_source=Push&utm_medium=Web

Desporto Futebol - Há muito que Paul Ayongo, o principal marcador do Amarante e da Série B do Campeonato de Portugal, estava a ser seguido por clubes da 1ª Liga, mas o futuro do avançado ganês vai passar pelo P. Ferreira.



«AYONGO CONTRATADO PARA MISSÃO GOLEADORA

Principal marcador do Amarante reforça castores.

Há muito que Paul Ayongo, o principal marcador do Amarante e da Série B do Campeonato de Portugal, estava a ser seguido por clubes da 1ª Liga, mas o futuro do avançado ganês vai passar pelo P. Ferreira. Ayongo, de 21 anos, vinculou-se aos castores por quatro temporadas, de acordo com informações veiculadas pela imprensa ganesa que confirmam a notícia de Record sobre a investida pacense. Aliás, até é divulgada uma fotografia do jogador já vestido a rigor e nas instalações dos castores.

"É uma boa sensação, porque o Paços é um grande clube e acredito que me pode ajudar a evoluir. Está entre os melhores clubes portugueses", disse Ayongo à imprensa do seu país. "As minhas expectativas para a primeira época no Paços são entrar no onze e crescer durante a minha passagem pelo clube, tal como fiz pelo Amarante. Sei que será difícil, mas com muito trabalho e determinação nada é impossível", acrescentou Ayongo.

Há já algum tempo que o Paços de Ferreira estava atento ao percurso de Ayongo pelos amarantinos. A SDUQ pacense já prepara a próxima época, apesar de ainda não ter sido matematicamente garantida a permanência e esta aquisição insere-se nesse plano. Ayongo, que também era desejado pelo Aves, soma 20 golos no Campeonato de Portugal e três na Taça de Portugal. Apesar do número redondo, nas últimas oito partidas o avançado só marcou um golo.

O Paços de Ferreira, note-se, ainda não se pronunciou oficialmente sobre a contratação de Paul Ayongo.

Autores: André Gonçalves e José Santos» in https://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/p--ferreira/detalhe/ayongo-contratado-para-missao-goleadora.html


(Paul Ayongo - Amarante FC highlights 2016/17)

Cidade de Penafiel - A Quinta da Aveleda, em Penafiel recebe, esta quinta-feira, o último jantar vínico integrado no programa enogastronómico TâmegaSousa Vinho Verde Wine Experience que já passou pelas sub-regiões de Basto, de Paiva, de Baião e de Amarante.



«Penafiel acolhe último jantar vínico do TâmegaSousa Vinho Verde Wine Experience

O jantar realiza-se, esta quinta-feira, na Quinta da Aveleda e conta com a presença de jornalistas, bloggers, wine lovers, críticos de gastronomia e vinhos, entre outros especialistas.

A Quinta da Aveleda,  em Penafiel recebe, esta quinta-feira, o último jantar vínico integrado no programa enogastronómico TâmegaSousa Vinho Verde Wine Experience que já passou pelas sub-regiões de Basto, de Paiva, de Baião e de Amarante.

A sub-região do Sousa é o último destino, fechando um ciclo de cinco jantares vínicos, iniciado em Dezembro do ano passado, com jantares em cada uma das cinco sub-regiões produtoras de vinho verde do Tâmega e Sousa.

A iniciativa irá contar com a presença de jornalistas, bloggers, wine lovers, críticos de gastronomia e vinhos, entre outros, aos quais serão dadas a conhecer e a provar algumas das castas mais características da sub-região do Sousa, seleccionadas pelo enólogo Manuel Soares, que, desde 1998, colabora com a Aveleda S.A., sendo, actualmente, o director de Enologia e Produção do grupo.

A acompanhar estes vinhos, os convidados irão conhecer as propostas gastronómicas do chef Renato Cunha, distinguido como o melhor “Chefe de Cozinha de 2012” pela revista Wine e responsável pelo restaurante Ferrugem, que que tem conquistado o reconhecimento nacional e internacional, destacando-se o “Bib Gourmand”, no Guia Michelin, um “Sol”, no Guia Repsol, e o “Garfo de Ouro”, no guia Boa Cama Boa Mesa do Expresso.

Segundo a organização, a cozinha do chef Renato Cunha “valoriza os produtos genuínos, com identidade portuguesa e, de preferência, com origem numa agricultura sustentável”.

A cultura vínica está, igualmente, presente no seu trabalho. Em 2017, tendo a Ferrugem sido eleito o “Restaurante do Ano” pela revista Vinho Grandes Escolhas e, em 2012, venceu a categoria “Wine Sidewalk Restaurant of the Year” (Melhor Serviço de Vinhos em Restaurante de Rua) das escolhas de Aníbal Coutinho.

O programa eno-gastronómico TâmegaSousa Vinho Verde Wine Experience tem como objectivo promover, junto de um público especializado, o vinho verde do Tâmega e Sousa.

Inserido na sua totalidade na Região dos Vinhos Verdes e agregando cinco das suas nove sub-regiões – sub-região de Amarante, sub-região de Baião, sub-região de Basto, sub-região do Paiva e sub-região do Sousa –, o Tâmega e Sousa é responsável pela produção de mais de 50% deste néctar único no mundo.

O programa TâmegaSousa Vinho Verde Wine Experience é promovido pela Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa, em articulação com os municípios que a integram em parceria com a Comissão de Viticultura da Região dos Vinhos Verdes, a Entidade Regional de Turismo do Porto e Norte de Portugal e a Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal.

Trata-se de um  projecto co-financiado pelo Norte 2020, Portugal 2020 e União Europeia, através do FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.» in http://verdadeiroolhar.pt/2018/04/17/penafiel-acolhe-ultimo-jantar-vinico-do-tamegasousa-vinho-verde-wine-experience/


(Quinta da Aveleda - Penafiel)

F.C. do Porto Andebol - O sueco Magnus Andersson será o treinador da equipa de andebol do FC Porto a partir de 2018/19, após ter assinado um contrato válido por duas temporadas.



«MAGNUS ANDERSSON É O TREINADOR PARA 2018/19

Carlos Martingo assume o comando da equipa de andebol até ao final desta temporada, após a saída de Lars Walther.

O sueco Magnus Andersson será o treinador da equipa de andebol do FC Porto a partir de 2018/19, após ter assinado um contrato válido por duas temporadas. Na época passada, ao serviço dos alemães do Goppingen, o último clube que treinou, o técnico, de 51 anos, conquistou a Taça EHF, depois de ter defrontado os portistas na fase de grupos, vencendo os dois jogos (31-27, no Dragão Caixa, e 30-28,​ na Alemanha).

Magnus Andersson tornou-se treinador em 2001 após uma bem-sucedida carreira como jogador, durante a qual se sagrou duas vezes campeão do mundo e quatro vezes campeão europeu de seleções, tendo ainda conquistado três medalhas de prata nos Jogos Olímpicos.

Até à chegada do técnico sueco, Carlos Martingo, vai assumir, de forma interina, o comando da equipa, uma vez que, esta terça-feira, o treinador Lars Walther e o adjunto Luís Graça rescindiram, por mútuo acordo, o contrato que os ligava ao FC Porto.​​​ O atual treinador do Avanca integrará depois, como adjunto, a equipa técnica liderada por Magnus Andersson.» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/andebol-lars-walther-luis-graca-saida.aspx

17/04/18

Ambiente e Ecologia - Uma equipa de cientistas descobriu, por acidente, uma substância capaz de decompor o polímero usado no fabrico de garrafas de água e esta descoberta está a ser aplaudida a nível internacional.


Amontoado de lixo plástico em Les Cayes (Haiti), junto à costa do Mar das Caraíbas. A poluição provocada pelo plástico é uma crise de proporções mundiais.Norway UN (New York)/Flickr

«Cientistas criam enzima capaz de devorar plástico. E por acidente

Uma equipa de cientistas descobriu, por acidente, uma substância capaz de decompor o polímero usado no fabrico de garrafas de água. Descoberta está a ser aplaudida a nível internacional.

Estima-se que um milhão de garrafas de água sejam vendidas a cada minuto, agravando a crise mundial de poluição provocada pelo plástico. Mas, agora, surgiu nova luz ao fundo do túnel: uma equipa de cientistas criou uma enzima mutante capaz de decompor rapidamente este lixo, uma descoberta que pode vir a ser uma solução para mitigar este problema ambiental. A notícia está a gerar buzz a nível internacional, até porque esta descoberta científica foi feita por acidente.

Uma enzima é uma substância orgânica capaz de acelerar uma reação química. Neste caso, a enzima descoberta acelera a decomposição do polímero que é usado no fabrico do plástico usado nas garrafas de água. Ora, de acordo com o The Guardian, só 14% das garrafas de água são recicladas — muitas acabam depositadas nos oceanos, poluindo as águas e constituindo uma ameaça. Para se ter uma ideia, uma destas garrafas pode durar séculos no mar. Mas a enzima agora criada começa a devorar o plástico em poucos dias.

Este feito foi alcançado por uma equipa internacional de cientistas no âmbito de um trabalho que arrancou em 2016. Segundo o jornal britânico, na origem desta investigação esteve a descoberta, numa lixeira no Japão, de uma bactéria que evoluiu naturalmente para conseguir alimentar-se do plástico. Numa primeira fase, os cientistas identificaram a enzima produzida pela bactéria para conseguir decompor o material.

Depois, foram-na alterando, para ver como evoluía. Foi neste processo que a equipa se apercebeu de que, na verdade, tinha conseguido tornar essa enzima ainda mais eficaz na decomposição do tal polímero do plástico. Os responsáveis pela investigação acreditam que é possível melhorar ainda mais essa substância, o que poderá mitigar o problema da poluição causada pelo plástico em todo o mundo.

Ao The Guardian, John McGeehan, da universidade britânica de Portsmouth e o líder do grupo, disse que os cientistas ficaram “em choque” quando se aperceberam do que tinham criado. “Estamos à espera de fazer é usar esta enzima para decompor o plástico nos seus componentes originais, para podermos, literalmente, reciclar e transformar de volta em plástico. Isso significa que não precisaremos de envolver mais petróleo e, fundamentalmente, deverá reduzir a quantidade de plástico a poluir o ambiente”, contou o cientista.

Por outras palavras, uma garrafa de água velha pode voltar a ser uma garrafa de água nova, o que até aqui não era possível. O jornal explica que, por norma, as garrafas de plástico que são recicladas são transformadas em fibras opacas para vestuário ou outros têxteis. E a vantagem é que, na opinião dos cientistas, esta nova enzima poderá ser facilmente escalável, criando uma nova motivação para que a indústria promova a reciclagem assente na sustentabilidade, ao invés de criar mais e mais plástico virgem. A investigação foi publicada esta semana na revista científica Proceedings of the National Academy of Sciences.

De segunda a sábado, consulte os especialistas em Desporto, Atualidade, Entretenimento, Tecnologia, Lifestyle e Motores.» in https://www.sapo.pt/noticias/generalista/cientistas-criaram-enzima-capaz-de-devorar_5ad5c4d9ba4deff12163998a


(Poluição plástica no oceano)


(IMPRESSIONANTE - Mar De Lixo Na Costa Do Caribe - CONFIRA)


(Sopa de plástico, lixo no mar)

Desporto Futebol - O Paços de Ferreira garantiu já um reforço para o ataque à próxima temporada: trata-se do ganês Paul Ayongo, melhor marcador da série B do Campeonato de Portugal, que está de saída do Amarante.



«Paços de Ferreira garantiu Ayongo, uma máquina de golos do Campeonato de Portugal

O Paços de Ferreira garantiu já um reforço para o ataque à próxima temporada: trata-se do ganês Paul Ayongo, melhor marcador da série B do Campeonato de Portugal, que está de saída do Amarante.

O clube pacense ainda não oficializou a contratação mas esta foi revelada pelo portal Football Made in Ghana, que já mostra uma imagem do avançado de 21 anos com a camisola dos castores, revela que o contrato é de quatro anos e cita o jogador.

«Sinto-me bem por esta mudança, porque o Paços é um grande clube e acho que me pode ajudar a evoluir. Está entre os melhores clubes de Portugal», disse o avançado à referida fonte.

Autor de 23 golos em 31 jogos ao longo da temporada, entre Campeonato de Portugal e Taça de Portugal, Ayongo está assim prestes a despedir-se de uma equipa que representou durante três épocas.

«Aprendi muito no Amarante durante estes três anos, ajudou-me muito e sei que me vai ajudar no futuro também», realçou o jovem avançado.

O zerozero entrevistou Paul Ayongo em janeiro. Confira aqui.» in http://www.zerozero.pt/news.php?id=219064


(Paul Ayongo 2017-18)

F.C. do Porto Natação - FC Porto venceu pela sexta vez em outras tantas edições o torneio que se disputou este fim de semana em Felgueiras.



«NATAÇÃO: MAIS UMA VITÓRIA NO OPEN VALE DO SOUSA

FC Porto venceu pela sexta vez em outras tantas edições o torneio que se disputou este fim de semana em Felgueiras.

A equipa de natação do FC Porto conquistou a sexta edição do Open Vale do Sousa, com 517,5 pontos, seguida pelo Famalicão, com 280,5, e pela seleção júnior de Portugal, com 238,5.

Na competição que os Dragões vencem desde a primeira edição e que se disputou este fim de semana na Piscina Municipal de Felgueiras, para além dos 129 recordes pessoais batidos pelos nadadores portistas, merecem destaque os desempenhos do sénior Alexandre Amorim, que teve a melhor performance masculina do torneio com a vitória nos 100 metros bruços (com 1'.01,16" e 751 pontos), e os recordes regionais de juvenis B de Duarte Castro, sendo que o melhor dos quais ficou por 2'.08,16 nos 200 metros costas.» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/open-vale-do-sousa-160418.aspx

Amarante Criminalidade - O dia 16 de abril de 1997 acordou sob o signo de tragédia em Amarante: 13 pessoas morreram e 22 ficaram gravemente feridas quando três encapuzados atearam fogo ao interior da boîte Meia Culpa que estava cheia.

«Mandante do crime na boîte Meia Culpa nega autoria do massacre

Condenado pelo fogo na boîte de Amarante que matou 13 pessoas e feriu 22, em 1997, José Queirós diz que dorme de "consciência tranquila".

O dia 16 de abril de 1997 acordou sob o signo de tragédia em Amarante: 13 pessoas morreram e 22 ficaram gravemente feridas quando três encapuzados atearam fogo ao interior da boîte Meia Culpa que estava cheia. Continua a ser o pior crime de que há memória nos últimos 50 anos em Portugal. Os arguidos foram condenados a 25 anos de cadeia. Hoje, precisamente 21 anos depois, estão todos em liberdade. José Queirós, à data dono da boîte Diamante Negro e o mandante do crime à luz da Justiça, cumpriu 19 anos e foi o último a ser libertado. Está em liberdade condicional desde o dia 10 de maio de 2017. Aos 70 anos, a reintegração social de José Queirós tem passado pelo trabalho de arrumador num parque de estacionamento.» in https://www.jn.pt/justica/interior/mandante-do-crime-na-boite-meia-culpa-nega-autoria-do-massacre-9261890.html

Vídeo: https://www.jn.pt/justica/interior/mandante-do-crime-na-boite-meia-culpa-nega-autoria-do-massacre-9261890.html


(José Queirós fala do massacre do Meia Culpa, 20 anos depois)

16/04/18

Espaço - A NASA prevê lançar esta segunda-feira, 16 de abril, o seu novo telescópio espacial para procurar planetas do tamanho da Terra que podem ser suscetíveis a abrigar alguma forma de vida.



«NASA lança novo telescópio para procurar planetas parecidos com a Terra

A NASA prevê lançar esta segunda-feira, 16 de abril, o seu novo telescópio espacial para procurar planetas do tamanho da Terra que podem ser suscetíveis a abrigar alguma forma de vida.

O lançamento do Transiting Exoplanet Survey Satellite (TESS) está programado para as 22h32 GMT pelo foguete Falcon 9 da Space X de Cape Canaveral, na Flórida, caso as condições meteorológicas sejam favoráveis.

Nos próximos dois anos, a missão desta máquina de 337 milhões de dólares (273 milhões de euros) será a de analisar mais de 200.000 estrelas brilhantes para lá do nosso sistema solar, em busca de sinais de planetas que circulem à volta de astros.

Como Kepler, o primeiro telescópio do género lançado em 2009 pela agência espacial americana, que será substituído, o TESS utiliza o método de trânsito, capaz de detetar planetas quando eles passam em frente às suas estrelas e diminuem a sua iluminação de maneira momentânea. Isso permite, entre outras coisas, deduzir o tamanho, a massa e a órbita.

Segundo a NASA, o TESS poderá descobrir 20.000 exoplanetas — ou planetas que estão fora do sistema solar — incluídos cerca de 50 do tamanho da Terra e mais de 500 duas vezes maiores do que o nosso planeta.

"Podemos inclusivamente encontrar planetas ao redor de estrelas que podemos ver a olho nu", disse neste domingo à imprensa Elisa Quintana, cientista do TESS, no Goddard Spaceflight Center da NASA.

Nos próximos anos "poderemos sair para dar uma caminhada e apontar para uma estrela e saber que tem um planeta", acrescentou.

A missão Kepler permitiu descobrir 2.300 novos exoplanetas confirmados por outros telescópios. O TESS, com as suas quatro câmaras avançadas, analisará uma área que é 350 vezes maior.

A etapa seguinte será para que os telescópios terrestres e espaciais observem mais de perto os planetas assim detetados.

O telescópio James Webb Space Telescope, que sucederá o Hubble, está programado para ser lançado em 2020, e deverá ser capaz de revelar mais sobre a massa dos planetas, a densidade e o aspecto da sua atmosfera.

"TESS é uma ponte entre o que aprendemos dos exoplanetas e para onde nos dirigimos no futuro", disse Jeff Volosin, diretor do projeto no Goddard Spaceflight Center da NASA.

Volosin disse ter a "esperança de que algum dia nas próximas décadas sejamos capazes de identificar as condições potenciais da existência de vida fora do sistema solar".» in https://24.sapo.pt/tecnologia/artigos/nasa-lanca-novo-telescopio-para-procurar-planetas-parecidos-com-a-terra


(Meet NASA's new exoplanet-hunting satellite, TESS)

História - A Câmara de Lagoa reabilitou uma antiga torre de vigia de onde há 400 anos se avistavam embarcações inimigas e se avisava o povo de possíveis saques, impedindo que acabasse por se desmoronar com o passar do tempo.



«Lagoa recupera torre com 400 anos de onde se alertava para saques de piratas

A Câmara de Lagoa reabilitou uma antiga torre de vigia de onde há 400 anos se avistavam embarcações inimigas e se avisava o povo de possíveis saques, impedindo que acabasse por se desmoronar com o passar do tempo.

A Torre da Lapa, construída no topo de uma falésia em Ferragudo, algures entre os séculos XVI e XVII, é uma antiga torre de atalaia e um dos pontos de vigia do litoral algarvio, mas, além desta, já praticamente nenhuma resta de pé.

Anabela Simão, vereadora da Câmara de Lagoa, contou à Lusa que era da torre que se enviavam sinais de fumo para proteção das povoações contra os ataques de piratas ou outros invasores, que procuravam saquear a produção agrícola, vinhos ou peixe.

"Era quase como uma picota onde teriam o caldeirão e depois, quando avistavam algo na costa, fogueavam, para que o fumo fosse visto dentro da povoação para eles imediatamente acionarem os mecanismos de defesa", explicou.

Construída em alvenaria de pedra e argamassa e de estrutura circular, com cerca de cinco metros de diâmetro, não há certezas quanto à data precisa de construção da torre, mas terá sido provavelmente no séc. XVII.

"Muitas foram construídas no século XVI, pensa-se que esta tenha sido um pouco mais tarde", refere Anabela Simão, sublinhando que deve ser das poucas que ainda restam no Algarve, porque "muitas já tombaram, por falta de recuperação".

Aquela responsável tem conhecimento de outra estrutura semelhante em Tavira, mas nota que "a sua existência [no Algarve] é muito difícil de se encontrar".

Durante os trabalhos de recuperação, que terminaram no ano passado, descobriu-se que o interior da torre era oco, quando se pensava que a torre seria preenchida por dentro.

"Pensávamos que a torre era toda preenchida e quando fizemos a requalificação verificámos que o miolo era todo oco, o que estava lá eram os materiais que com o tempo tinham caído dentro da própria torre", explica Anabela Simão.

Após o início de um processo para a sua classificação como imóvel de interesse concelhio, em 2015, a Direção Regional de Cultura lançou um procedimento para que a torre possa ser classificada como monumento de interesse público nacional.

A abertura do processo de classificação já foi publicada em Diário da República, em agosto de 2017, mas, segundo Anabela Simão, ainda não está concluído.

"É uma mais valia para o concelho na medida em que já temos alguns monumentos classificados como sendo de interesse nacional: a igreja de Estômbar e o promontório Senhora da Rocha, que são dois ícones na nossa história em termos de património", sublinha.

Segundo Anabela Simão, a Torre da Lapa vai ficar integrada no caminho dos promontórios, uma rota pedestre que abrange vários pontos de interesse e onde se pode fazer também observação de aves.

"Neste momento, a torre vai ser um objeto de estudo e vai ter que ter uma visitação, porque, cada vez mais, além do museu, as pessoas gostam de ver os apontamentos museológicos", conclui.

Do ponto onde se situa a torre consegue avistar-se uma boa extensão de oceano e a embocadura do Rio Arade.» in https://24.sapo.pt/vida/artigos/lagoa-recupera-torre-com-400-anos-de-onde-se-alertava-para-saques-de-piratas


Praia de Vale da Lapa (Estômbar) - Lagoa, Algarve, Portugal
Pin It button on image hover