31/10/08

A Senhora Ministra Adverte os Professores... porque será que isso já não surpreende?














«Educação: Professores sem avaliação não progridem na carreira - adverte ministra
31 de Outubro de 2008, 12:58

Aveiro, 31 Out (Lusa) - A ministra da Educação, Maria de Lurdes Rodrigues, advertiu hoje que os professores que não se submeterem ao processo de avaliação "não reunirão condições para progredir na carreira, como qualquer funcionário público".
A ministra, que falava aos jornalistas à margem do 2º Encontro de Educação de Anadia, disse que não há escolas a rejeitar a avaliação, mas sim alguns professores, e que a maioria dos estabelecimentos de ensino e dos docentes está a fazer um esforço, no quadro da autonomia das escolas, para implantar o sistema de avaliação.
"Há professores que não querem ser avaliados e já o sabemos há muito tempo, mas o país não entenderá que os professores sejam uma classe à parte, pelo que terão de estar sujeitos a regras de avaliação como os outros profissionais", comentou.
Questionada sobre as consequências para aqueles que não aceitarem ser submetidos ao modelo de avaliação, Maria de Lurdes Rodrigues foi peremptória: "A consequência imediata é que, não sendo avaliado, o professor não reúne as condições para progredir na carreira, como qualquer funcionário público".
A ministra sublinhou que as escolas públicas "estão a ter mais alunos e melhores resultados", de acordo com a avaliação feita pelo Ministério a 300 escolas, que revela as várias dinâmicas, para além dos exames.
Maria de Lurdes Rodrigues criticou os "rankings" das escolas feitos com base nos resultados dos exames, dizendo mesmo que "há interesse em desvalorizar o trabalho da escola pública, porque esses rankings promovem a comparação entre o que não é comparável, numa atitude pouco séria de exaltação dos colégios privados".
"Misturam escolas que levam dez alunos a exame e que os escolhem com escolas públicas que levam a exame mais de mil alunos, e reduzir a avaliação de uma escola à nota média dos exames é insuficiente", criticou.
Quanto à possibilidade de acabar com reprovações no ensino público básico, a ministra afirmou que não teve qualquer iniciativa nesse sentido, havendo apenas um parecer do Conselho Nacional de Educação que ainda não conhece e sobre o qual, a seu tempo, se irá pronunciar.
Já quanto a casos que têm sido relatados em alguns meios de comunicação social, de alunos que reprovam por faltas dadas por motivo de doença, Maria de Lurdes Rodrigues disse que "têm de ser corrigidas as situações anómalas e excessivas", mas devolveu o problema às escolas.
"O Estatuto do Aluno é uma lei geral e é importante que, na sua transposição para os regulamentos das escolas, se encontrem soluções equilibradas, ouvindo os pais e os próprios alunos se já tiverem idade para se pronunciar. Uma criança doente tem de , por parte da escola, a consideração da sua situação", concluiu. MSO. Lusa/Fim.» in http://noticias.sapo.pt/lusa/artigo/795a2d6759a5770c4032e8.html
--------------------------------------------------------------------------------
A Senhora Ministra devia era deixar de viver no seu Mundo de Fantasia, já conhecido como Mundo Magalhães e deslocar-se às Escolas não em tom de cerimónia, sem que seja necessário pintar pavilhões para a receber... não, deveria verificar in loco, em que condições os professores trabalham, as horas que passam na Escola, as humilhações que sofrem pela Autoridade que lhes foi retirada e o Processo de Avaliação mais complexo e burocrático que existe, em toda a Função Pública. Sim, neste momento, já passamos mais tempo a tratar do Monstro da Avaliação, do que a ensinar e a preparar aulas, para os Alunos, o elo mais importante do Sistema Educativo! Falo com amigos Médicos, Enfermeiros, Engenheiros, entre outros, que me perguntam perante a burocracia que lhes mostro, relativa à minha avaliação, se não tenho mais que fazer... Venha ao terreno, Sra. Ministra, venha ver; mas não lhe estenderei tapetes vermelhos, a Senhora não gosta dos Professores e eu que tenho princípios, não gosto da Sra. Ministra enquanto tal, dado que não a conheço, como pessoa! Vamos Amigos, cada Professor e respectivas Famílias, não votem nesta Ministra! A Senhora será chumbada! Deixem-me rir, a Senhora aboliu os chumbos...



















A Senhora Ministra, Maria Lurdes Rodrigues, vai ficar na História, como Carniceira da Escola Pública!

Ao Justiceiro, Dr. Miguel Sousa Tavares, que de tudo fala, mas, às vezes, pouco acerta!





















«'A inútil'escreveu assim a Miguel de Sousa Tavares sobre os Professores:

É do conhecimento público que o senhor Miguel de Sousa Tavares considerou 'os professores os inúteis mais bem pagos deste país.' Espantar-me-ia uma afirmação tão generalista e imoral, não conhecesse já outras afirmações que não diferem muito desta, quer na forma, quer na índole. Não lhe parece que há inúteis, que fazem coisas inúteis e escrevem coisas inúteis, que são pagos a peso de ouro? Não lhe parece que deveria ter dirigido as suas aberrações a gente que, neste deprimente país, tem mais do que uma sinecura e assim enche os bolsos? Não será esse o seu caso? O que escreveu é um atentado à cultura portuguesa, à educação e aos seus intervenientes, alunos e professores. Alunos e professores de ontem e de hoje, porque eu já fui aluna, logo de 'inúteis', como o senhor também terá sido. Ou pensa hoje de forma diferente para estar de acordo com o sistema?
O senhor tem filhos? - a minha ignorância a este respeito deve-se ao facto de não ser muito dada a ler revistas cor-de-rosa. Se os tem, e se estudam, teve, por acaso, a frontalidade de encarar os seus professores e dizer-lhes que 'são os inúteis mais bem pagos do país.'? Não me parece... Estudam os seus filhos em escolas públicas ou privadas? É que a coisa muda de figura!
Há escolas privadas onde se pagam substancialmente as notas dos alunos, que os professores inúteis' são obrigados a atribuir. A alarvidade que escreveu, além de ser insultuosa, revela muita ignorância em relação à educação e ao ensino. E, quem é ignorante, não deve julgar sem conhecimento de causa. Sei que é escritor, porém nunca li qualquer livro seu, por isso não emito julgamentos sobre aquilo que desconheço. Entende ou quer que a professora explique de novo?
Sou professora de Português com imenso prazer. Oxalá nunca nenhuma das suas obras venha a integrar os programas da disciplina, pois acredito que nenhum dos 'inúteis' a que se referiu a leccionasse com prazer. Com prazer e paixão tenho leccionado, ao longo dos meus vinte e sete anos de serviço, a obra de sua mãe, Sophia de Mello Breyner Andersen, que reverencio. O senhor é a prova inequívoca que nem sempre uma sã e bela árvore dá são e belo fruto. Tenho dificuldade em interiorizar que tenha sido ela quem o ensinou a escrever. A sua ilustre mãe era uma humanista convicta. Que pena não ter interiorizado essa lição! A lição do humanismo que não julga sem provas! Já visitou, por acaso, alguma escola pública? Já se deu ao trabalho de ler, com atenção, o documento sobre a avaliação dos professores? Não, claro que não. É mais cómodo fazer afirmações bombásticas, que agitem, no mau sentido, a opinião pública, para assim se auto-publicitar. Sei que, num jornal desportivo, escreve, de vez em quando, umas crónicas e que defende muito bem o seu clube. Alguma vez lhe ocorreu, quando o seu clube perde, com clubes da terceira divisão, escrever que 'os jogadores de futebol são os inúteis mais bem pagos do país.'? Alguma vez lhe ocorreu escrever que há dirigentes desportivos que 'são os inúteis' mais protegidos do país? Presumo que não, e não tenho qualquer dúvida de que deve entender mais de futebol do que de Educação. Alguma vez lhe ocorreu escrever que osadvogados 'são os inúteis mais bem pagos do país'? Ou os políticos? Não, acredito que não, embora também não tenha dúvidas de que deve estar mais familiarizado com essas áreas. Não tenho nada contra os jogadores de futebol, nada contra os dirigentes desportivos, nada contra os advogados.
Porque não são eles que me impedem de exercer, com dignidade, a minha profissão. Tenho sim contra os políticos arrogantes, prepotentes, desumanos e inúteis, que querem fazer da educação o caixote do (falso) sucesso para posterior envio para a Europa e para o mundo. Tenho contra
pseudo-jornalistas, como o senhor, que são, juntamente com os políticos, 'os inúteis mais bem pagos do país', que se arvoram em salvadores da pátria, quando o que lhes interessa é o seu próprio umbigo.
Assim sendo, sr. Miguel de Sousa Tavares, informe-se, que a informaçãozinha é bem necessária antes de 'escrevinhar' alarvices sobre quem dá a este país, além de grandes lições nas aulas, a alunos que são a razão de ser do professor, lições de democracia ao país. Mas o senhor não entende! Para si, democracia deve ser estar do lado de quem convém.
Por isso, não posso deixar de lhe transmitir uma mensagem com que termina um texto da sua sábia mãe: 'Perdoai-lhes, Senhor Porque eles sabem o que fazem.'
Ana Maria Gomes da Escola Secundária de Barcelos.»
------------------------------------------------------------------------------
O Dr. Miguel Sousa Tavares tem uma opinião incisiva sobre todos os assuntos, enquanto comentador político. Segundo os seus caprichos e dores de fel, este Senhor arrasa tudo o que não lhe agrada. Não é que este Senhor quando confrontado com a formação que os professores tiveram sobre o Magalhães, essa salvação nacional, qual cura milagrosa para os males da educação, o Senhor achou muito bem! Muito bem, professores que em vez de terem formação técnica sobre o uso do dito computador, cantavam hinos ao estilo nacionalista, ao Computador Magalhães; estará tudo a ficar tolo ou quê!? Corria o ano de 1996, quando tive a oportunidade de conhecer a sua Mãe, Grande Escritora Sophia de Mello Breyner, era eu docente na então Escola EB23 do Marão de que guardo grande saudade e confesso-lhe que fiquei estarrecido com a sua humildade! Uma Senhora de Idade, que podia e devia estar a descansar em Hotéis e SPA's de Luxo, dado que podia e merecia, disse-nos que para ela ir a Escolas contactar com alunos e Professores, era um desígnio ético. Para ela divulgar os livros junto das Escolas era uma prioridade da sua vida. Ouvi-la a Ela e ouvir o Senhor a falar dos Professores, são experiências paradoxalmente opostas... informe-se melhor antes de falar, o Senhor gosta de atear fogos, mas parece que está já com dificuldades em apagar alguns. Fale dos seus colegas Advogados, Escritores, Jornalistas e Políticos que já não é pouco... a minha colega Ana Gomes ensinou-lhe algo? ...bem sei que não, o Senhor não é suficientemente humilde para aprender com Professores! Se o Senhor tivesse que dar aulas e simultâneamente o nosso processo de avaliação, não teria tantos biscates, tantas horas para viajar, tanto tempo para escrever, nem teria tanto tempo para apreciar a paisagem do Tejo vista de um condomínio de Luxo lá para as bandas da Lapa...




Se não fosse triste, até dava para rir, Dr. Miguel Sousa Tavares!

30/10/08

Gabriella Cilmi - Grande Revelação Musical do Ano de 2008!






GABRIELLA CILMI - "SWEET ABOUT ME" - (official video)

Gabriella Cilmi - "Sweet About Me" - (Live on Sunrise)

GABRIELLA CILMI - "SWEET ABOUT ME" - (Live unplugged)

Gabriella Cilmi - "Sanctuary"

Gabriella Cilmi - "Echo Beach"

Gabriella Cilmi - "Save The Lies" - (official video)

Gabriella Cilmi - "Don't Want To Go To Bed Now"

Gabriella Cilmi - "Whole Lotta Love" - (Live at Bush Hall)

Gabriella Cilmi - "Cry Me A River" - (iTunes Festival)



«Gabriella Cilmi

From Wikipedia, the free encyclopedia
Gabriella Cilmi at the 2008 Godiva Festival
Background information
Born:10 October 1991 (1991-10-10) (age 17)
Origin: Melbourne, Australia Genre(s), Pop, Funk Rock, Soul, Crossover Jazz, Vocal, Jazz
Occupation(s): Singer
Years active: 2005–present
Label(s): Warner Music, Island Records, Xenomania and Universal Republic (USA)
Website: http://www.gabriellacilmi.com

Gabriella Lucia Cilmi[1] is a multi ARIA award-winning Australian singer and songwriter. She is best known for her debut single "Sweet About Me", released in March 2008.

Early life

Cilmi was born 10 October 1991 in the Melbourne suburb of Dandenong. Of Italian descent[1], she lives with her parents Paula and Joe (whose origins are in Calabria) and her brother Joseph. Her cousin Stefano Mazzeo attends Wesley College and as an actor[2] has appeared in several television shows in Australia.[3].
At an early age Cilmi developed an interest in a wide range of musical styles including Nina Simone, Led Zeppelin, Janis Joplin, The Sweet, T.Rex and Cat Stevens.[4] Despite her natural aptitude and vocal talent, she was told that she lacked the discipline necessary to pursue a singing career. Idolising Janis Joplin, during this time she sang with a band performing cover songs by Led Zeppelin, Jet, Silverchair and others.[5] Cilmi recorded original songs with writer/producers Barbara and Adrian Hannan of The SongStore.[6]
In 2004 Cilmi captured the attention of Warner Music executive Michael Parisi whilst giving an impromptu rendition of the Rolling Stones' song "Jumping Jack Flash" at the Lygon Street Festa, a community festival in Melbourne. At the age of thirteen Cilmi travelled to the US and UK with Adrian Hannan and was offered four major US deals. She eventually signed a contract with Island Records UK.

Musical career

The tracks "Don't Tell Me" and "Sorry", co-written with Barbara and Adrian Hannan, appeared on the soundtrack of 2005 Australian film Hating Alison Ashley.[6]
Cilmi shares a manager (Cassandra Gracey), writer/producers (Xenomania) and UK record label (Island) with the Sugababes, and supported former Sugababe Mutya Buena at the Jazz Café in London in 2007. She made her UK TV debut on 14 December 2007 when she sang her new single "Sweet About Me" on Later with Jools Holland. In December 2007 Cilmi's song "Sanctuary" featured in the film St Trinian's and on its soundtrack.
Cilmi has also sung on the theme to UK TV Series Echo Beach which aired in early 2008 on ITV1. It is a cover of "Echo Beach" by Martha and the Muffins.
In February 2008 she supported the Parisian band Nouvelle Vague on their UK tour.
Cilmi's first album Lessons To Be Learned was written and recorded with hit production team Xenomania and was released on 31 March 2008 in the UK. She has been compared to Amy Winehouse[7]and also Macy Gray, because of the occasional fracture in her voice[citation needed].
The single "Sweet About Me" debuted on the UK Singles Chart at number sixty-eight (9 March 2008) and rose to number fifty the following week. The single rose again to number twenty several weeks after the physical CD was made available. Despite then falling back to number twenty-three, it re-entered the top twenty at number nineteen on 18 May, the single reached its highest position of number six so far, on the chart dated 15 June 2008, and it so far reached number seventeen in the Irish Singles Chart. It debuted at number thirteen in Australia on downloads alone, and has peaked at number one. won six Aria awards in Australia, taking out Best Female Artist, Breakthrough Artist: Single (Sweet About Me), Breakthrough Artist: Album (Lessons to be Learned), Best Pop Release (Lessons to be Learned), Highest Selling Single (Sweet About Me), and Single of the Year (Sweet About Me). Perhaps part of her success has been linked to her song, “Sweet About Me”, being used to sell deodorant around the world this year. The song also got to number 6 in the Dutch top 40, in September 2008.[8]
It is currently used in a TV commercial for Sure "upside-down" deodorant in Denmark and the UK, which has resulted in Danish radio playing the song repeatedly.
She performed "Sweet About Me" on the Australian breakfast news program Sunrise on the Seven Network on 1 April 2008 and again on the talk show Rove five days later. She also performed this single on Ireland's chat show The Late Late Show on Friday, 23 May 2008.
From March to May 2008 she supported the Sugababes on their UK Change Tour, as well as supporting Nouvelle Vague. She also opened for James Blunt on his June 2008 Australian tour. Finally, she participated at the MTV Greece concert in Greece on October 4, 2008 alongside REM and Kaiser Chiefs.
After Sweet About Me dropped to number two for several weeks on the Australian ARIA Charts, she reclaimed the number one spot on 19 May 2008. On 9 July 2008, Cilmi's second UK single, "Save The Lies", was exclusively premiered on The Sun's website. On the 13th, the "Out Of Office Remix" was premiered on the Fresh40 chart show. Cilmi's second UK single did not show as much success as "Sweet About Me", peaking at 33 in the UK. During the release of "Save the Lies (Good To Me)" in the UK, there was a subsequent release in Australia. "Don't Wanna Go to Bed Now" did not show as much success as "Sweet About Me", peaking at 28 on the charts.
On 1 October she announced that "Sanctuary" will be the fourth single.[9] It will be released on November 10, 2008.

Discography
Main article: Gabriella Cilmi discography

Gabriella Cilmi discography Releases
↙Studio albums 1
↙Singles 4
↙Music videos 4

Studio albums

* Lessons to Be Learned (2008)

Singles

* Sweet About Me (2008)
* Don't Wanna Go to Bed Now (2008) (Australia only)
* Save the Lies (2008)
* Sanctuary (2008)

Music videos

* Sweet About Me (2008)
* Don't Wanna Go to Bed Now (2008) (Australia only)
* Save the Lies (2008)
* Sanctuary (2008)» in Wikipédia.

"Sweet About Me
Gabriella Cilmi

Ooh, watching me
Hanging by
A string this time
Don't, easily
The climax
Of the perfect lie
Ooh, watching me
Hanging by
A string this time
Don't, easily
A smile worth
A hundred lies

If there's lessons
To be learned
I'd rather get
My jamming words
In first so
Tell you something
That I've found out
That the world's
A better place
When it's
Upside down, boy

If there's lessons
To be learned
I'd rather get
My jamming words
In first so
When your playing
With desire
Don't come running
To my place
When it burns
Like fire, boy

(Chorus)
Sweet about me
Nothing sweet
About me, yeah
Sweet about me
Nothing sweet
About me, yeah
Sweet about me
Nothing sweet
About me, yeah
Sweet about me
Nothing sweet
About me, yeah

Blue, blue, blue
Waves they crash
As time goes by
So hard to catch
Too, too smooth
Ain't all that
Why don't you ride
On my side
Of the tracks?

If there's lessons
To be learned
I'd rather get
My jamming words
In first so
When your playing
With desire
Don't come running
To my place
When it burns
Like fire, boy

(Chorus 7x)"

Mais informações no seguinte sobre esta jovem cantora no seguinte link:

Linha do Tâmega - Presidente da Câmara de Amarante pede esclarecimentos à REFER!









«AMARANTE: Presidente da Câmara quer garantias de segurança para os utentes da Linha do Tâmega

O presidente da Câmara de Amarante disse hoje que vai questionar a REFER sobre a segurança da linha do Tâmega, único troço em serviço da via férrea entre Amarante e Livração, na linha do Douro.
Em declarações à TSF, Armindo Abreu adiantou que "vou contactar com a REFER para perguntar se o plano de requalificação da linha está a avançar e pedir explicações sobre se um acidente idêntico ao do Tua poderia acontecer aqui na Linha do Tâmega».
Na entrevista àquela rádio, o autarca acrescentou que ficou surpreendido com o relatório da Faculdade de Engenharia do Porto porque as carruagens usadas na Linha do Tâmega são idênticas às utilizadas no Tua.
Armindo Abreu quer ainda que a REFER, bem como a CP, que gere o tráfego da linha, assegurem que os passageiros que transitam na Linha do Tâmega não correm riscos de sofrer um acidente como os ocorridos em 2007 e 2008 na linha do Tua.
O percurso entre Amarante e Livração, que tem apenas 12,8 quilómetros, é feito actualmente por automotoras e tem cerca de dezena e meia de ligações diárias entre as duas estações, apesar de a média diária de passageiros transportados não ir além da centena e meia, segundo estimativas reveladas em 2007.
O troço de via férrea entre Amarante e Arco de Baúlhe foi encerrado no início de Janeiro de 1990, há quase 19 anos, e "substituído" por uma variante rodoviária – Via do Tâmega – que ainda só chegou a Celorico de Basto.» in Marão online.
---------------------------------------------------------------------------
Diz o ditado bem Português que: "...depois de casa assaltada, trancas à porta...". E é bom que quer a REFER, quer o Engenheiro Mário Lino, o politico das convicções passageiras - "Alcochete jemé" -, sejam responsabilizados, depois dos relatórios vindos a público apontarem para que, as causas dos últimos acidentes no TUA, com feridos graves e mortos, se deveram a falhas de manutenção da linha e das carruagens. Em Portugal estamos habituados a que a "culpa morra solteira" e penso que este caso é suficientemente grave para que o Sr. Ministro seja imediatamente demitido, dado que ele não tem estatura politica, para pedir a sua demissão (jemé). Quanto a Amarante, o Dr. Armindo Abreu não é ingénuo e sabe bem porque motivo se desinvestiu nas linhas do TUA e do Tâmega: primeiro, não são rentáveis para a REFER, segundo, o Plano Nacional de Barragens está a ser imposto de cima... é bom que o Dr. Armindo Abreu comece a falar, e honre os seus pergaminhos enquanto Presidente da Câmara Municipal de Amarante, cargo em que deve colocar o interesse de Amarante e dos Amarantinos, sempre em primeiro plano! Que a voz não lhe doa... nem seja calada!

29/10/08

28/10/08

Afinal o F.C. Porto venceu o Leixões, mas foi em Pool Feminino... Mais uma Supertaça!

«Supremacia portista estende-se à Supertaça

A equipa feminina de pool do F.C. Porto/CIN continua a demonstrar a sua total hegemonia na modalidade, tendo desta feita conquistado a Supertaça de Pool frente à formação do Leixões, numa prova realizada no fim-de-semana na Academia de Bilhar de Gaia.
A equipa Tetracampeã Nacional de pool continua a mostrar-se em grande nível em diversas frentes, desta vez aliando o título nacional à conquista da sexta Supertaça na modalidade.
Perante a formação do Leixões, as atletas Luísa Leal, que venceu a sua partida por 4-2, Vânia Franco, 5-0, Mariana Marinho, 5-0, e Ana Máximo, cuja partida não se concluiu devido ao resultado da contenda pender já para o triunfo azul e branco por 3-0, expressaram em pleno o domínio portista na prova.
Repetindo triunfos e renovando troféus, a caminhada da equipa feminina do F.C. Porto/CIN prossegue imparável no bilhar português, cimentando o lugar cimeiro que os Dragões ocupam na modalidade.» in site F.C. Porto.
-----------------------------------------------------------------------------
O que prova que somos uma equipa de grande dimensão e muito ecléctica!

Jorge Jesus e a Equipa do Braga estão em Grande!




















O homem que diz que o farplay é uma treta, e eu concordo, na maioria das vezes serve somente para cortar jogadas e quebrar o ritmo de jogo; nos últimos dois jogos a sua equipa marcou 8 golos sem sofrer nenhum, com o contributo dos portistas, Luís Aguiar, em grande, Renteria e Alan em bom plano. Parabéns, Jorge Jesus, o Homem que trasmite a sua garra e fibra, aos seus atletas. A sua vontade de vencer e de jogar ao ataque contagia os jogadores e massa associativa. Já agora, Sr. Jesualdo Ferreira, porque dispensou Luís Aguiar e Alan?

Sub-17: F.C. Porto 3 vs Académica 0 - F.C. Porto, reforça a liderança!

«Sub-17: Triunfo sobre Académica reforça liderança

A formação de sub-17 portista recebeu e bateu a Académica, 3-0, em encontro da sexta jornada do Campeonato Nacional de Juniores B. Com este triunfo, os Dragões seguem no comando da Série B da prova, contando por vitórias todos os encontros disputados.
O sexto triunfo consecutivo da formação portista no campeonato começou a ser construído à passagem da meia hora de jogo, quando Filipe Barros assinou o primeiro golo azul e branco no encontro.
David e João Beirão, já no segundo tempo, confirmaram a conquista dos três pontos pelo F.C. Porto, que, com 18 pontos, lidera isolado o campeonato. Na próxima ronda, marcada para 2 de Novembro, os jovens Dragões deslocam-se ao terreno do Pasteleira.

27/10/08

Pedro Barroso - Mais um Trovador da Música Portuguesa!





Pedro Barroso - "Porto Antigo"

Pedro Barroso - "Cantarei"

Pedro Barroso - "Bonita"


Pedro Barroso - "Menina dos Olhos de Água"

Pedro Barroso - "Menina dos Olhos de Água" - (Vozes de Abril 2008)

Pedro Barroso - "COMPANHEIRA..."

Pedro Barroso - "Cantar"

Pedro Barroso - "O Último Trovador"

Pedro Barroso canta Zeca Afonso no Crato '07


Pedro Barroso

«Pedro Barroso


António Pedro da Silva Chora Barroso (n. Lisboa, 28 de Novembro de 1950), cantor popular português. Exerceu funções como Professor de Ensino Secundário durante mais de vinte anos. É também pós-graduado em Psicoterapia Comportamental (1988), sendo que desenvolveu actividade na área da musicoterapia.


Biografia


Vai, ainda bebé, viver para Riachos, no concelho de Torres Novas, terra natal do pai, professor primário.
Aos 15 anos, estreia-se no teatro radiofónico, com Odette de Saint-Maurice na Emissora Nacional. Em Dezembro de 1969 é um dos cantautores revelados pelo Zip-Zip, programa antológico da RTP, com Fialho Gouveia, Raul Solnado e Carlos Cruz.
Em 1970 apresenta Trova-dor, o seu primeiro disco. No mesmo ano dá entrada no Teatro Experimental de Cascais onde trabalha como actor, em peças como Fuenteovejuna de Lope de Vega ou Breve Sumário da História de Deus de Gil Vicente, juntamente com José Jorge Letria e António Macedo.
No ano de 1973 licencia-se em Educação Física, pelo antigo Instituto Nacional de Educação Física (actual Faculdade de Motricidade Humana de Lisboa).
É editado em 1976 o seu primeiro longa duração: "Lutas Velhas, Canto Novo".
O disco Água Mole em Pedra Dura, editado em 1978 pela Diapasão, inclui os temas: Água Mole em pedra dura / E assim não há poema não / Cartas a Portugal / Lendas da nossa terra / Nasce Afrodite, Amor, Nasce o Teu Corpo / Canção para a amizade / Cantar É / Funcionário, Funcionário / Homem dum só parecer / Canção para a unidade / De novo Catarina / Josezito .
Em 1980 editou o álbum Quem Canta seus Males Espanta.
Foi distinguido com o Troféu Karolinka no Festival Menschen und Meer, realizado na RDA, em 1981.
Participa em 1982 no Festival da Canção da Rádio Comercial com "Cantar Brejeiro". É editado o álbum Cantos à Terra Madre.
Em 1983 obtém grande sucesso com "Ai Consta". Lança o álbum Do Lado De Cá De Mim. O disco Cantos Da Borda D' Água é editado em 1985.
Em 1987 é lançado o LP Roupas De Pátria Roupas De Mulher. Recebe o prémio para a melhor canção de 1987 com "Menina dos Olhos d’Água". No ano seguinte sai o disco "Pedro Barroso".
A Ovação lança em 1990 uma compilação com temas dos discos "água mole em pedra dura" e "quem canta seus males espanta".
Na década de 90 lançou novos discos como Longe d' Aqui (1990), Cantos d' Antiga Idade (1994), Cantos d'Oxalá (1996) e Criticamente (1999).
Em 2001 é editado o CD Crónicas da Violentíssima Ternura. O álbum De viva voz, gravado ao vivo, foi editado em Dezembro de 2002.
Em 2003 foi publicado o seu segundo livro "das mulheres e do mundo" (Ed. Mirante).
Em 2004 celebrou os 35 anos de carreira com a edição do CD Navegador do Futuro. Estreia-se na ficção com a edição do livro "A história maravilhosa do país bimbo" (Ed. Calidum).
O disco-duplo "Antologia 1982-1990" foi editado em 2005 pela Movieplay.


Discografia


* Lutas Velhas Canto Novo (LP, 1976)
* Água Mole Em Pedra Dura (LP, Diapasão, 1978) [reeditado em 2000 com o título "Cartas de Portugal"]
* Quem Canta Seus Males Espanta (LP, Diapasão, 1980)
* Cantos à Terra Madre (LP, Orfeu, 1982)
* Do Lado De Cá De Mim (LP, Orfeu, 1983)[reeditado em 2003]
* Cantos Da Borda D' Água (LP, Orfeu, 1985)
* Colectânea (Compilação, Orfeu, 1986)
* Roupas De Pátria Roupas De Mulher (LP, Orfeu, 1987)
* Pedro Barroso (LP, Orfeu, 1988)
* Longe D'Aqui (LP/CD, 1990)
* Quem Canta Seus Males Espanta (Compilação, Ovação ref. lp-3027, 1990) [reedição parcial de temas dos lps "água mole em pedra dura" e "quem canta seus males espanta"]
* Cantos D'Antiga Idade (CD, 1994)
* Cantos D' Oxalá (CD, 1996)
* O Melhor dos Melhores (Vol. 81) (Compilação, Movieplay, 1998)
* Criticamente (CD, 1999)
* Colecção Clássicos Da Renascença (Vol. 85) (Compilação, Movieplay, 2000)
* Crónicas Da Violentíssima Ternura (CD, 2001)
* De Viva Voz (CD, Lusogram, 2002)[ao vivo]
* Navegador Do Futuro (CD, Ocarina, 2004)
* Antologia 1982-1990 (Compilação, Movieplay, 2005)


Singles e Eps


* Trova-dor (EP, 1970)
* Breve Sumário Da História De Deus (EP, Zip-Zip, 1971) (com José Jorge Letria e António Macedo)
* 1º de Maio (Single, 1974)
* Canção Urgente (Single, 1975)
* Nova Canção de Lisboa (Single, 1979)
* Canção ao Rio Almonda (Single, 1980)
* Cantar Brejeiro (single, 1982)
* Ai Consta (Single, 1983)
* Camarnal (single, 1984)


Outros


Colabora em 1981 num LP publicitário da Cerveja Sagres intitulado "Venha cantar Conosco - 15 canções de convivio e amizade" onde interpreta um tema de sua autoria chamado "a narça". neste disco colaboram entre outros Maria Guinot, Tózé Brito, Nicolau Breyner e Tossan.


Bibliografia


* Cantos Falados (Ulmeiro, 1996)
* Das Mulheres e do Mundo (Mirante, 2003)
* A História Maravilhosa do País Bimbo(Calidum, 2005) [ficção]


Curiosidades


Cantou em praticamente todas as grandes salas portuguesas (Coliseu de Lisboa, Aula Magna, Fórum Lisboa, Teatro Rivoli, Pavilhão Atlântico, entre outros), bem como em todo o país e ainda na Alemanha, Bélgica, Brasil, Canadá, Espanha, EUA, França, Holanda, Hungria, Luxemburgo, China, Suíça e Suécia. Em muitos destes países actuou também em cadeias de TV e Rádio. Foi igualmente convidado a dar palestras sobre a Cultura portuguesa nas Universidades de Nyemegen, Estocolmo, Toronto e Budapeste.
Membro activo da comunidade artística e musical integrou a direcção do Sindicato dos Músicos e foi autor em 2002 do polémico Manifesto sobre o estado da Música Portuguesa que teve audições junto de todos os Grupos Parlamentares e do, então Presidente da República, Jorge Sampaio.
É desde 2003 membro dos corpos gerentes da Sociedade Portuguesa de Autores, na direcção presidida por Manuel Freire.» in Wikipédia.


"Bonita
Pedro Barroso



Composição: Pedro Barroso


Primeiro foram as mãos que me disseram
que ali havia gente de verdade
depois fugi-te pelo corpo acima
medi-te na boca a intensidade
senti que ali dentro havia um tigre
naquele repouso havia movimento
olhei-te e no sol havia pedras
parámos ambos como se parasse o tempo
parámos ambos como se parasse o tempo


é tão dificil encontrar pessoas assim bonitas
é tão dificil encontrar pessoas assim bonitas


atrevi-me a mergulhar nos teus cabelos
respirando o espanto que me deras
ali havia força havia fogo
havia a memória que aprenderas
senti no corpo todo um arrepio
senti nas veias um fogo esquecido
percebemos num minuto a vida toda
sem nada te dizer ficaste ali comigo
sem nada te dizer ficaste ali comigo


é tão dificil encontrar pessoas assim bonitas
é tão dificil encontrar pessoas assim bonitas


falavas de projectos e futuro
de coisas banais frivolidades
mas quando me sorriste parou tudo
problemas do mundo enormidades
senti que um rio parava e o nevoeiro
vestia nos teus dedos capa e espada
queria tanto que um olhar bastasse
e não fosse no fundo preciso
queria tanto que um olhar bastasse
e não fosse preciso dizer nada


é tão dificil encontrar pessoas assim bonitas
é tão dificil encontrar pessoas assim pessoas"


Mais informações sobre este Trovador da Música Portuguesa, no seguinte link:
http://www.pedrobarroso.com/

A Ilha da Madeira em todo o seu esplendor...

Madeira
View SlideShare presentation or Upload your own.

O Meu amigo Madeirense, Jorge Quintal, enviou-me uma apresentação promocional da Ilha da Madeira que vem provar que por aquelas bandas o turismo é levado a sério, é mesmo uma aposta estratégica, ao contrário do que fazem os Presidentes de alguns Municípios Portugueses, para os quais o Turismo é uma aposta de boca e sem resultados, minimamente aceitáveis.
Obrigado Jorge, são imagens deslumbrantes de um País fantástico, Portugal!

O Banqueiro dos Banqueiros...















O que nos vale é que temos um Governo PS de esquerda, que só ajuda os mais necessitados....

26/10/08

Amarante 0 vs Lourosa 4 - Tarde de grande desacerto, para os Amarantinos!






Alguns lances desta partida de má memória para a equipa do Amarante F.C.!

1.º Golo do Lourosa nesta partida, na conversão de uma grande penalidade.
---------------------------------------------------------------------------
O Amarante F.C. deixou uma péssima imagem do que pode e vale, pelo que esperamos, como Amarantinos, que os jogadores e responsáveis tirem todas as ilações desta derrota, em suma, que aprendam com os erros. Este era um jogo contra uma equipa ao nosso alcance, com todo o respeito pelo Lourosa que realizou uma excelente exibição, pelo que devíamos ter jogado muito melhor! Força, Amarante, vamos às vitórias!

F.C. Porto 2 vs Leixões S.C. 3 - 1.ª Derrota na Liga!

«Determinação portista num mar de contrariedades

Entrar literalmente a perder, sofrer dois golos em fases de domínio, ver esbarrar o redentor mal menor nos ferros da baliza contrária. Tudo aconteceu ao Dragão, numa noite destinada a contrariar as evidências, não obstante as sucessivas investidas tomadas para alterar o seu imerecido rumo.
Um encontro atípico teria de arrancar de uma forma absolutamente inusitada: três minutos após o apito inicial, ainda as duas formações se encontravam na fase de estudo mútuo e adaptação às contingências do jogo, e já a equipa visitante alcançava o golo, através de um cabeceamento de Bruno China.
A entrada em falso mais não fez do que impulsionar a resposta do Dragão, que foi progressivamente ganhando contornos ameaçadores, até se propagar em definitivo nas acções de Lisandro, que num remate espontâneo dentro da área contrária obrigou Beto a defesa apertada, e de Rolando, que em plena zona de perigo adversária cabeceou ligeiramente por cima do alvo.
A progressão da partida haveria de trazer nova experiência anómala ao duelo: acossada pelo sufoco azul e branco, a formação de Matosinhos logrou aumentar a vantagem, por Braga, sem que o houvesse resolutamente concebido, nem inequivocamente justificado.
Nova contrariedade para o F.C. Porto, que, à semelhança do que já havia feito, devolveu os vaticínios através de insuspeita determinação. Rodríguez anunciou, novamente para defesa apertada do guarda-redes adversário, o que Lucho concretizou, aos 36 minutos, na conversão de uma grande penalidade a castigar falta sobre Hulk.
Relançada a contenda, viveram-se novamente momentos de hegemonia portista, sentida nos minutos que antecederam o descanso, bem como no arranque da segunda metade. Bruno Alves tentou de longe e quase conseguiu, Lisandro ameaçou primeiro, e, pouco depois, à passagem do minuto 60, materializou a insistência azul e branca, recebendo de Tomás Costa uma bola que soube trabalhar em plena área adversária, num lance com «imagem de marca» que terminou no fundo da baliza leixonense.
Seguiu-se uma história já vista na invulgar noite do Dragão. Investida azul e branca a encostar o adversário aos seus terrenos recuados, algumas iniciativas determinadas que não chegavam a bom porto e o adversário a responder nos moldes anteriores: através do golo. Braga voltou a marcar, mas nem a desvantagem anulou a resolução dos Tricampeões Nacionais, que viram o tento do empate esbarrar no poste da baliza de Beto.

FICHA DO JOGO

Liga Portuguesa 2008/09 – 6ª Jornada
25 de Outubro de 2008
Estádio do Dragão, no Porto
Assistência: 37.408

Árbitro: Paulo Baptista (AF Portalegre)
Assistentes: José Braga e Carlos Pereira
4º Árbitro: Pedro Vilaça

F.C. PORTO: Nuno; Sapunaru, Rolando, Bruno Alves e Lino; Raul Meireles, Tomás Costa e Lucho «cap.»; Hulk, Lisandro e Rodríguez
Substituições: Lino por Candeias (32m), Sapunaru por Mariano (64m) e Rodríguez por Farías (75m)
Não utilizados: Ventura, Pedro Emanuel, Guarin e Fernando
Treinador: Jesualdo Ferreira

LEIXÕES SC: Beto; Vasco Fernandes, Joel, Elvis e Laranjeiro; Bruno China «cap.», Hugo Morais, Roberto Sousa e Braga; Diogo Valente e Marques
Substituições: Diogo Valente por Zé Manel (62m), Marques por Roberto (72m) e Braga por Sandro (88m)
Não utilizados: Berger, Ruben, Diogo Luís e Nwoko
Treinador: José Mota

Ao intervalo: 1-2
Marcadores: Bruno China (3m), Braga (29m), Lucho (36m g.p.), Lisandro (61m) e Braga (79m)
Disciplina: Cartão amarelo a Joel (35m), Lisandro (37m), Sapunaru (64m), Braga (76m), Elvis (77m) e Beto (90m)» in site F.C. Porto.
-------------------------------------------------------------------------
Os dirigentes e a equipa técnica do F.C. do Porto terão muito que reflectir durante esta semana, pois alguém terá que ser responsabilizado por tanta falta de qualidade do actual plantel do F.C. do Porto!


Resumos de um jogo bem amargo para os portistas, com uma justa vitória dos Matosinhenses!
Pin It button on image hover